Categorias
Sem categoria

rubi

Ando encrencada com a música. Gosto. Mas nunca tentei entender. Agora resolvi compor. Resolvi cantar. Resolvi dedilhar acordes no peito…

Eu conhecia Ludov, as duas famosas… Mas de três dias pra cá, é só o que toca no meu MP3. É só o que toca entre as minhas 10 paredes. É o que eu queria dizer e não tinha como. 🙂

Gosto das coisas assim.

No final do meu domingo perdido, vai umazinha:

RUBI
Ludov Mauro Motoki / Habacuque Lima


Saio à rua de manhã e me deixo levar
Assisto à profusão de cores e de sons
Quem é essa multidão? Por que correr assim?
Ninguém aqui jamais será tão só como eu

Eu estou agora em outro tempo, outro lugar
longe de mim

Me vejo menina, num gramado
o sol bateu no vidro e então
a janela se desenhou no chão

A vida era longa
às vezes distante
era promessa
que não sei se cumpri
Meus olhos ainda
eram diamante
Já chorei à beça
de hoje em diante
viraram rubi

– – – – – – – – – – – –

bonita, né?

logo logo terei um violão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s