Categorias
Sem categoria

suspiro "quase" malvado

ah, como o mundo dá umas voltas curiosas, em ritmos justos. hoje eu deito leve, embora não durma, deito levíssima, aconhegada no mesmo travesseiro onde derramei litros de sais minerais por velhos e novos enganos.
me perdoem os puros de coração, mas sentir-se bem da tragédia alheia é um prazer sem igual. aperta alguma coisa por dizer isso, quase magoa, mas logo passa. meus rumos indefinidos são agora melhores do que quando planejava certezas e amarrava as fitas do vestido, sozinha, mas pensando que não.

=)

obrigada, novamente me jogo
à liberdade de leves e inconsequentes ações.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s