3 coisas que aprendi nos últimos 7 meses (comendo carboidratos)

O tempo está passando muito rápido, nossa. Minha última postagem aqui no blog tinha sido em maio, quando estava questionando se carlalowcarb era pra sempre ou deveria ser apenas história. Em junho troquei o domínio do blog de lowcarbcarla.com para carlaarend.com, um passo bem transformador/libertador, e que meio determina os rumos da minha ‘nutrição’. Sei lá se agora é só nutrição. O buraco vai bem além da boca.

Estou aprendendo muito nesse ano, tem muita coisa que demorou para entrar na minha cabeça, tem coisas que ainda estou processando e a maioria delas ainda falta aprender. Ainda bem que vou viver além dos 100 anos, pq ô processo demorado esse de ‘se melhorar’.

Para tentar me redimir pelo hiato de atualizações do blog, aqui vai um resumão das coisas que aprendi e que mais me impactaram nos últimos 7 meses:

É possível emagrecer comendo carboidratos

giphy (10)

Chorei em uma sessão de coaching porque parte do programa era reintroduzir carbos na minha alimentação e eu não conseguia, eu estava estressada demais por ter que comer carboidratos, eu não queria comer, queria que o coach me mostrasse estudos, tava questionando o cara. Isso ia contra os meus princípios! Daí o coach disse: então não coma. Daí sabe o que eu fiz? Comecei a comer carbos e emagreci os 10Kg que tinha engordado. Co-men-do-car-bos. Shocking!

O segredo? Não comi só carbos, não me atraquei no cacetinho (haha), mas gradualmente passei a questionar minhas escolhas e comer com intenção e presença. Minha alimentação começou a ser mais simples, mas mais consistente. Minha compulsão diminuiu. Tive menos episódios de “já que comi esse biscoito e arruinei a dieta, agora vou comer o pacote todo, uma pizza, uma barra de chocolate e fazer uma farra o final de semana todo e na segunda eu faço jejum e tomo só café com manteiga por 3 dias”, pra falar a verdade, acho que nos últimos 7 meses isso não aconteceu nenhuma vez.

É possível manter o peso nas férias

giphy (12)

Viajei duas vezes por períodos consideravalmente longos nesses últimos meses e não recuperei muito peso. A primeira vez foi uma semana na Grécia, em um resort com tudo incluído (comidas e bebidas maravilhosas). Aproveitamos muito, comemos, bebemos, degustei as sobremesas, descansei, meditei, fui na academia e bebi todos os dias. Foi a primeira viagem que fiz exercícios, não fiz restrição alimentar e não engordei.

A segunda foram duas semanas pela Europa com as amigas. Ano passado quando viajei duas semanas com as amigas engordei 6Kg. Esse ano foram apenas 1.5Kg, que emagreci em 2 semanas na volta.

Eu pensava “tô de férias, tem que aproveitar”. Não sinto que deixei de aproveitar nada esse, só não atirei a toalha em nenhum momento. Foi uma revelação.

A comida não é o problema, os problemas são os problemas

giphy (13)

Isso. Os problemas são o problema. Todos temos problemas, alguns dos nossos problemas são tão cabeludos que a gente nem se atreve a falar sobre eles. Alguns a gente desconhece. Mas a maioria a gente esconde tão bem que ninguém vê, ninguém fala, nem a gente. A gente é ótimo ignorando os sentimentos. Dói menos, né? Fazer de conta que não tem, sorrir e entupir a cara de chocolate sem saber porquê.

Uma coisa que tenho praticado é escrever um diário onde frequentemente listo meus problemas. Daí vejo a verdade, o que esta causando o stress, e daí tenho duas opções: encarar a verdade e lidar com os problemas, ou colocar isso no canto e lidar com chocolate.

Eu não tenho uma compulsão alimentar, eu tenho problemas. A comida é algo que uso como conforto quando meus problemas tomam conta.

Essa foi a maior lição desse ano.

 

 

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s